Beija-flor de Nilópolis

Videos - Beija-flor de Nilópolis

International
Shops

search for music by Beija-flor de Nilópolis at amazon



search for rare music at Music Stack

Links:
Beija-Flor
Beija-flor de Nilópolis

pesquisa  Beija-flor de Nilópolis

DVDs
Beija-flor de NilópolisBeija-flor de Nilópolis -  A escola de samba de Nilópolis nasceu como bloco, tendo entre seus fundadores Milton de Oliveira (Negão da Cuíca), Edson Vieira Rodrigues (Edinho do Ferro Velho), Helles Ferreira da Silva, Walter da Silva, Hamilton Floriano, José Fernandes da Silva e Eulália de Oliveira, que sugeriu o nome Beija-Flor inspirada em um rancho de mesmo nome.

O Grêmio Recreativo Escola de Samba Beija-Flor é uma escola de samba do Rio de Janeiro, campeã onze vezes do grupo especial , que está localizada no município de Nilópolis, Baixada Fluminense.

Por vezes é chamada informalmente de Beija-Flor de Nilópolis, numa referência à sua cidade de origem, porém esta denominação não é oficial.

Beija-Flor de Nilópolis
Fundação 25 de Dezembro de 1948 (59 anos)
Escola-madrinha Portela
Cores Azul-escuro e Branco
Símbolo Beija-flor
Bairro Centro de Nilópolis
Presidente Farid Abrahão David
Presidente de honra Anísio Abraão David
Carnavalesco
Comissão de carnaval Laíla
Fran-Sérgio
Ubiratan Silva
Alexandre Louzada
Intérprete oficial Neguinho da Beija-Flor
Diretor de carnaval Laíla
Diretor de harmonia Laíla
Diretor de bateria Mestre Paulinho
Mestre Plínio
Rainha da bateria Rayssa de Oliveira
Madrinha da bateria
Mestre-sala e porta-bandeira Claudinho
Selmynha Sorrizo
Coreógrafo Ghislaine Cavalcanti
Comissão-de-frente
Enredo de 2009 No chuveiro da alegria, quem banha o corpo lava a alma na folia

História


A Beija-Flor foi formada por um bloco carnavalesco, de Nilópolis. Nasceu no dia 25 de Dezembro de 1948. O nome foi inspirado no rancho Beija-Flor, que existia na cidade de Marquês de Valença. A idéia nasceu de um grupo formado por Milton de Oliveira (Negão da Cuíca), Edson Vieira Rodrigues (Edinho do Ferro Velho), Helles Ferreira da Silva, Mário Silva, Walter da Silva, Hamilton Floriano e José Fernandes da Silva. Mas foi a mãe do Negão da Cuíca, a Dona Eulália, que sugeriu o nome da agremiação o que lhe valeu o direito de ser admitida como fundadora. Somente em 1953, o bloco, que virou um vitorioso no bairro, se transformou no G.R.E.S. Beija-Flor de Nilópolis fazendo o seu primeiro desfile oficial em 1954 pelo Segundo Grupo, quando obteve a primeira colocação. A história da agremiação, que tem como símbolo o beija-flor, pode ser dividida em duas partes: antes e depois deJoãosinho Trinta. Joãosinho Trinta assumiu a escola em 1976 com um enredo em homenagem ao jogo do bicho. Os desfiles assinados por ele se tornaram tão antológicos que mesmo quando não vencia deixava sua marca na avenida. Foi o que aconteceu em 1989 quando a escola, conhecida pelo luxo de suas alas e alegorias, surpreendeu o público com o enredo "Ratos e urubus, larguem a minha fantasia" levando para o Sambódromo carros e alas repletos de lixo, além do famoso Cristo Redentor coberto. Naquele ano a Beija-Flor ficou com o segundo lugar, mas Joãosinho foi considerado por alguma pessoas o campeão moral do desfile

Durante os anos 90 a escola se manteve sempre nas primeiras colocações, sendo que no período 2003/05 conquistou seu segundo tri campeonato em 2007, voltou a ganhar, dessa vez com uma diferença considerável em relação à segunda colocada. Meses após o Carnaval, a Polícia Federal, durante a Operação Hurricane, prendeu, entre outros, o patrono a escola, Anísio Abraão David, e apreendeu uma volumosa quantia de dinheiro, que segundo o delegado responsável pela operação, seria para comprar os jurados do desfile e assim garantir a conquista do título para a Beija-Flor. Após isto, instalou-se uma CPI na Câmara Municipal da cidade do Rio de Janeiro, que não comprovou nenhuma fraude, já que os kits alegados eram para tão-somente os mapas de votação e o delegado que afirmou tal fraude se recusou a comparecer para testemunhar na CPI

Para 2008, a comissão de carnaval escolheu o enredo "Macapaba: Equinócio Solar, viagem fantástica ao meio do mundo" e conquistou o bicampeonato e o seu 11º título.

Para 2009, a comissão de carnaval escolheu o enredo "No chuveiro da alegria, quem banha o corpo lava a alma na folia" e tenta conquistar seu 12º título.



Discografia, Videos & Livros

Desfiles de Carnival e colocações da Beija-Flor:


1954 O Caçador de Esmeraldas – 1º lugar do Grupo 2
1955 Páginas de Ouro da Nossa História – 6º lugar
1956 O Gaúcho – 10º lugar
1957 Riquezas Áureas do Brasil – 7º lugar
1958 Tomada de Monte Castelo – 7º lugar
1959 Copa do Mundo – 12º lugar
1960 Regência Prima – 9º lugar
1961 Brasília – 9º lugar
1962 Dia do Fico – 3º lugar
1963 Peri e Ceci – sem colocação, Grupo 1
1964 Café, Riqueza do Brasil – sem colocação, Grupo 2
1965 Lei do Ventre Livre – 3º lugar do Grupo 3
1966 Fatos que Culminaram com a Independência do Brasil – 4º lugar do Grupo 3
1967 A Queda da Monarquia – 2º lugar do Grupo 3
1968 Exaltação a José de Alencar – 9º lugar do Grupo 2
1969 Paquete do Exílio – 10º lugar do Grupo 2
1970 Quatro Séculos de Glória – 6º lugar do Grupo 2
1971 Carnaval, Sublime Ilusão – 6º lugar do Grupo 2
1972 Bahia dos Meus Amores – 6º lugar do Grupo 2
1973 Educação para o Desenvolvimento – 2º lugar do Grupo 2
1974 Brasil no Ano 2000 – 7º lugar do Grupo 1
1975 O Grande Decênio – 7º lugar
1976 Sonhar com Rei Dá Leão – 1º lugar
1977 Vovó e o Rei da Saturnália na Corte Egipciana – 1º lugar
1978 Criação do Mundo na Tradição Nagô – 1º lugar
1979 Paraíso da Loucura – 2º lugar
1980 O Sol da Meia-Noite e uma Viagem ao País das Maravilhas– 1º lugar
1981 A Oitava das Sete Maravilhas do Mundo – 2º lugar
1982 O Olho Azul da Serpente – 2º lugar
1983 A Grande Constelação das Negras – 1º lugar
1984 O Gigante em Berço Esplêndido – 3º lugar
1985 A Lapa de Adão e Eva – 2º lugar
1986 O Mundo É uma Bola – 2º lugar
1987 As Mágicas Luzes da Ribalta – 4º lugar
1988 Sou Negro do Egito à Liberdade – 3º lugar
1989 Ratos e Urubus, Larguem Minha Fantasia – 2º lugar
1990 Todo Mundo Nasceu Nu – 2º lugar
1991 Alice no País das Maravilhas – 3º lugar
1992 Há um Ponto de Luz na Imensidão – 7º lugar
1993 Uni-duni-tê, a Beija-Flor Escolheu: É Você! – 3º lugar
1994 Margareth Mee, a Dama das Bromélias – 5º lugar
1995 Bidu Saião e o Canto de Cristal – 3º lugar
1996 Aurora do Povo Brasileiro – 3º lugar
1997 A Beija-Flor é Festa na Sapucaí – 4º lugar
1998 Pará, o Mundo Místico dos Caruanas nas Águas do Patu-Anu – 1º lugar
1999 Araxá – Lugar Alto Onde Primeiro se Avista o Sol – 2º lugar
2000 Brasil, um Coração que Pulsa Forte, Pátria de Todos ou Terra de Ninguém? – 2º lugar
2001 A Saga de Agotime – Maria Mineira Naê
2002-2009 ver abaixo
Beija-flor de Nilópolis   
BEIJA-FLOR (2000)  - CD
BMG 7432174508-2
1.  O mundo é uma bola (Betinho - Jorge Canuto)
2.  As mágicas luzes da ribalta (Gilson Dr. - Mazinho)
3.  Sou negro, do Egito à liberdade (Marcelo Guimarães - Cláudio Inspiração - Aloisio Santos - Ivancué)
4.  Ratos e urubus... larguem a minha fantasia (Zé Maria - Osmar - Betinho - Glyvaldo)
5.  Todo mundo nasceu nu (Bira - Jorginho - Betinho - Aparecida)
6.  Alice no Brasil das maravilhas (Pelé - Tonho Magrinho - Paulo Roberto - Cláudio Inspiração)
7.  Há um ponto de luz na imensidão (Itinho - Neguinho da Beija-Flor - Dinoel Sampaio)
8.  Uni-duni-tê, a Beija-flor escolheu: é você (Edeor de Paula - Sérgio Fonseca - Wilson Bombeiro)
9.  Margareth Mee, a dama das bromélias (J. Santos - Almir Moreira - Arnaldo Matheus)
10. Bidu Sayão e o canto de cristal (Bira - Tião Barbudo - Zé Carlos do Cavaco - Jorginho - Dequinha Pottier)
11. Aurora do povo brasileiro (Miro Barbosa)
12. A Beija-flor é festa na Sapucaí (J. Santos - Wilson Bombeiro - Arnaldo Matheus - Almir Sereno)
13. Pará, o mundo místico dos Caruanas, nas águas do Patu-anu (Marcão - Baby - Alencar de Oliveira - Noel Costa - Wilsinho Paz)
14. Araxá, "lugar alto onde primeiro se avista o sol" (Noel Costa - Wilsinho Paz - Serginho do Porto)
 
 
 

Música


Beija-Flor de Nilópolis
Ano Colocação[3] Grupo[4] Enredo Carnavalesco
1984 3ºlugar Especial O gigante em berço esplêndido Joãosinho Trinta
1985 Vice-Campeã Especial A lapa de Adão e Eva Joãosinho Trinta
1986 Vice-Campeã Especial O mundo é uma bola Joãosinho Trinta
1987 4ºlugar Especial As mágicas luzes da Ribalta Joãosinho Trinta
1988 3ºlugar Especial Sou negro, do Egito à liberdade Joãosinho Trinta
1989 Vice-Campeã Especial Ratos e Urubus, larguem minha fantasia Joãosinho Trinta
1990 Vice-Campeã Especial Todo Mundo Nasceu Nu Joãosinho Trinta
1991 4ºlugar Especial Alice no Brasil das maravilhas Joãosinho Trinta
1992 7ºlugar Especial Há um ponto de luz na imensidão Joãosinho Trinta
1993 3ºlugar Especial Uni-duni-tê, a Beija-flor escolheu: é você Maria Augusta
1994 5ºlugar Especial Margareth Mee, a Dama das Bromélias Milton Cunha
1995 3ºlugar Especial Bidu Sayão e o Canto de Cristal Milton Cunha
1996 3ºlugar Especial Aurora do povo Brasileiro Milton Cunha
1997 4ºlugar Especial A Beija-Flor é Festa na Sapucaí Milton Cunha
1998 Campeã Especial O mundo místico dos Caruanas nas águas do Patu-Anu Comissão de Carnaval[5]
1999 Vice-Campeã Especial Araxá, Lugar Alto Onde Primeiro Se Avista o Sol Comissão de Carnaval[6]
2000 Vice-Campeã Especial Brasil, um coração que pulsa forte. Terra de todos ou de ninguém? Comissão de Carnaval[7]
2001 Vice-Campeã Especial A saga de Agotime - Maria mineira Naê Comissão de Carnaval[8]
2002 Vice-Campeã Especial O Brasil dá o ar de sua graça de Ícaro a Rubem Berta - O ímpeto de voar Comissão de Carnaval[9]
2003 Campeã Especial O povo conta a sua história: "saco vazio não pára em pé". A mão que faz a guerra faz a paz Comissão de Carnaval[10]
2004 Campeã Especial Manôa - Manaus - Amazônia – Terra Santa: Alimenta o corpo, equilibra a alma e transmite a paz Comissão de Carnaval[11]
2005 Campeã Especial 'O vento corta as terras dos pampas. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito guarani. Sete Povos na fé e na dor... Sete missões de amor Comissão de Carnaval[12]
2006 5ºlugar Especial Poços de Caldas derrama sobre a Terra suas águas milagrosas: do caos inicial à explosão da vida, a nave mãe da existência Comissão de Carnaval[13]
2007 Campeã Especial Áfricas, do berço real à corte brasileira Comissão de Carnaval[14]
2008 Campeã Especial Macapaba - Equinócio Solar. Viagens fantásticas ao meio do mundo Comissão de Carnaval[15]
2009 Especial No chuveiro da alegria, quem banha o corpo lava a alma na folia Comissão de Carnaval[16]
2010 Especial Comissão de Carnaval

Volta a Artistas

 ------  Copyright © 1998-2013 MusicaPopular.org -----  contato webmaster

videos letras discografia biografia article musica mp3 galeria imagens pictures